Quissamã amplia programas de assistência ao cidadão

171
Fátima destacou os desafios superados pelo governo em benefício ao cidadão

Fátima Pacheco lança o “Bolsa Atleta” que garante apoio a moradores da cidade

A prefeitura de Quissamã lançou nesta semana o programa “Bolsa Atleta”, direcionado a esportistas amadores e profissionais que irão receber do governo auxílios mensais de R$ 230 e R$ 680. O benefício foi apresentado pela prefeita Fátima Pacheco (PSC), que pontuou os avanços obtidos na área em 18 meses de gestão e frisou que Quissamã é uma cidade de vencedores.

“No início de 2017 encontramos equipamentos comunitários sucateados, o parque aquático fechado, o estádio sem iluminação, com gramado castigado. Com trabalho, seriedade, planejamento e valiosa colaboração dos servidores, conseguimos avançar em diversas frentes”, disse.

A prefeitura apresentou números que ajudaram a ilustrar o desafio de garantir a assistência ao cidadão, um dos principais focos do seu governo.“O número de inscritos nas escolinhas esportivas saltou de 800 para 2.850, envolvendo 16 modalidades. O parque foi reaberto e instalamos aquecedor na piscina de hidroginástica. O estádio municipal recebeu melhorias. Hoje temos competidores se destacando em diversos esportes. Isso, além de trazer medalhas, eleva a autoestima e cria exemplos positivos, principalmente para os mais jovens”, completou a prefeita.

Na abertura do encontro, que contou com a presença do presidente da Federação de Kickboxing do Estado do Rio de Janeiro, Capitulino Gomes, a coordenadora Isis Chagas explicou que, nos próximos dias, será publicado edital, no Diário Oficial do Município, com as normas para a solicitação do Bolsa Atleta, que será feita via Protocolo Geral da Prefeitura. Ela destacou ainda que incentivar a prática esportiva é promover qualidade de vida.

Autor da lei que criou o benefício quando exercia mandato como vereador, em 2012, o secretário Marcinho Pessanha disse que o sentimento era de dever cumprido. “Sempre vi o esporte como instrumento de inclusão. Depois de seis anos, a lei precisou ser atualizada e agora, finalmente, será colocada em prática. As pessoas jamais devem desistir de seus sonhos. Quando acreditamos, conseguimos”, ressaltou.

Programa

Para pleitear o apoio, pelo período de um ano, o atleta deve preencher, cumulativamente, os seguintes requisitos: ser natural do Município ou estar nele domiciliado, comprovadamente, há pelos menos cinco anos; ter renda familiar de até cinco salários mínimos; estar em plena atividade esportiva; quando menor de idade, estar matriculado em uma instituição de ensino e apresentar, semestralmente, o boletim escolar e a declaração de frequência com, no mínimo, 75% e notas de rendimento escolar de aprovação; o atleta poderá captar outros patrocínios de pessoa física ou jurídica, pública ou privada, desde que o Município de Quissamã permaneça na condição de patrocinador principal, com exposição e visibilidade de destaque junto ao atleta e/ou seus equipamentos, conforme o caso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here