Câmara Municipal abre sessões com plenário dividido

390
Vereadores abrem terceiro ano legislativo nesta terça-feira (19), às 10h

Com bloco de oposição e base aliada do governo rachados, plenário se alia apenas em debate sobre sucessão

Duas eleições ainda exercem forte influência sobre o plenário da Câmara de Vereadores que abre nesta terça-feira (19), às 10h, as sessões plenárias do terceiro ano da atual legislatura. A reeleição de Dr. Eduardo (PPS) na presidência da Casa e a vitória do projeto coletivo que ascendeu Welberth Rezende (PPS) ao posto de deputado estadual, reorganizaram os grupos internos do plenário que ainda tenta negociar com o governo novos espaços dentro do secretariado.

Com pauta de votação ainda pouco destacável, exceto o projeto de lei do governo que restitui a cobrança da taxa de contribuição da iluminação pública, o plenário viverá nesta terça-feira um clima amistoso, em que terão destaque os suplentes Luciano Diniz (MDB) e Reginaldo do Hospital (PROS).

Entre as pautas pessoais, se destacam a iniciativa dos vereadores Maxwell Vaz (SD), Marvel Maillet (REDE) e Luiz Fernando (PTC), que tocarão, respectivamente, as defesas por projetos de desenvolvimento econômico, do esporte e do saneamento básico.

Sem a presença do chefe do poder Executivo, a abertura dos trabalhos do plenário marcará também a antecipação dos debates sobre a sucessão do governo “da mudança”, onde Welberth, mesmo participando de plenário no Rio, terá presença cativa nos discursos e nas defesas de pelo menos nove vereadores que ainda mantém a defesa do seu nome para substituir o médico/prefeito Dr. Aluízio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here