Jogador foi peça fundamental ao evitar a vitória do Flamengo, nos minutos finais, tirando a bola adversária na linha do gol - Divulgação/ Wanderley Corrêa

Partida pela segunda rodada da Taça Guanabara será nesta quarta-feira, às 16h, em Bacaxá

De volta aos trabalhos, o Macaé Esporte já se prepara para o seu próximo compromisso do Campeonato Carioca. Nesta quarta-feira (22), o Leão encara o Boavista pela segunda rodada da Taça Guanabara. O jogo será às 16h, no Estádio Eucyr Resende, em Bacaxá.

Durante as atividades na última segunda-feira (20), no CEPE, o volante Júnior Santos fez uma projeção de como deverá ser o jogo diante da equipe de Saquarema. As duas equipes estrearam com empate sem gols.

“Espero uma evolução do Macaé na sequência do Campeonato Carioca. Disputamos uma seletiva difícil e, mesmo com todas dificuldades, conseguimos chegar na fase principal do Estadual. Agora estamos fechados em busca do objetivo de manter o Macaé na primeira divisão. Sabemos que a equipe do Boavista tem um ótimo time, mas nós também temos um bom elenco, aguerrido e que vai brigar por todas as bolas e pelos três pontos. Acredito que tem tudo para ser um bom jogo”, disse.

O volante foi um dos heróis do empate entre Macaé Esporte e Flamengo no último sábado (18). Além do grande trabalho feito pelo goleiro Jonathan, o jogador ajudou a evitar um gol adversário no final da partida ao tirar uma bola em cima da linha. O jogador comentou sobre o lance, que chegou a ser alvo de polêmicas por parte do elenco rubro-negro.

“Aquele lance vai ficar marcado na minha memória, quando a bola estava indo em direção ao gol eu me joguei sem saber se conseguiria tirar pois ela estava muito alta, nisso ela bateu no travessão e caiu no meu peito e o Vladimir chegou me chutando junto com a bola. Vibrei como se fosse um gol, foi um momento marcante protagonizar um lance desse que garantiu esse empate”, relembrou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here