Equipe nota 10 do Solar dos Mellos

A data será comemorada pela Secretaria de Cultura, que preparou uma programação especial para esta segunda-feira (2) e terça-feira (3), com início às 19h

Guardando as mais linda histórias de Macaé, o Solar dos Mellos – Museu da Cidade de Macaé chega aos 15 anos de atividades, que se consolida como espaço aberto a todas as artes e tradições guardando sempre a memória do macaense. Neste sentido, a data será comemorada pela Secretaria de Cultura, que preparou uma programação especial para esta segunda-feira (2) e terça-feira (3), com início às 19h. O ponto alto da festa sera uma cápsula do tempo será deixada no museu para ser aberta daqui a cem anos.

“O Solar dos Mellos, criado pela Lei 2.463, em 26 de março de 2004, é reconhecido como um importante espaço de pesquisa sobre a história e cultura regionais. Mas buscamos ir além, abrindo a casa e seus jardins a diferentes públicos, fazendo do museu também um espaço cultural e de convivência. Nós consolidados parcerias com o Sebrae, com empresas com sede em Macaé e outras, o que ampliou o alcance de nossos projetos culturais, e estamos firmando novas parcerias, como com o Senac, para o próximo ano. Buscamos apoiar artistas, produtores culturais, pesquisadores, escritores e artesão das regiões dos Lagos e Norte Fluminense, mas também empreendedores em gastronomia, abrindo nichos de oportunidades. Fomentando a cultura, também movimentamos a economia local”, disse a diretora do Solar dos Mellos, Viviane Chaves.

Secretário Thales Coutinho e a diretora Viviane

Segundo a diretora, a comemoração dos 15 anos será aberta nesta segunda-feira (2), às 19h, com a cerimônia da Cápsula do Tempo. Em seguida haverá um sarau com a participação dos coletivos de poetas ‘Língua do P`, ‘Seresteiras’ e ‘Cigarras de Macaé’. Já na terça-feira (3), também às 19h, o Solar dos Mellos estará todo aberto à visitação pública guiada por historiador. Em seguida, o Coral da Segunda Igreja Batista de Macaé apresentará o musical ‘Prometido’.

Últimas novidades

A grande novidade ocorrida em 2018 foi a abertura de seus portões para os jardins, auditório e demais espaços da instituição às diferentes vertentes culturais do município e seus públicos, tornando-se um lugar de convivência e de integração artística. Novos projetos foram lançados e caminham de mãos dadas ao ‘Macaé em Fontes Primárias’, que está na etapa de tratamento arquivístico das fontes e que recebeu um novo escâner para digitalização de documentos históricos.

Por outro lado, o ‘Programa de Educação Patrimonial’ engloba três outros: o ‘Professor Investigador’; o ‘Visita Guiada’ e o ‘Lugares de Memória’. Estes também seguem beneficiados pelo aumento de público no museu, atraído pelos novos projetos culturais.
Há ainda o ‘Visita Guiada’ e o ‘Lugares de Memória’ atendem a escolares e a grupos organizados durante todo o ano letivo. Em outubro deste ano, foi lançado um braço do ‘Lugares de Memória’, o ‘Lugares de Memória Comemorativo’. A estreia da ação aconteceu com uma semana de celebração dos 150 anos do nascimento do presidente macaense Washington Luís.

Solar dos Mellos – Museu da Cidade de Macaé

A casa onde abriga o Solar dos Mellos – Museu da Cidade de Macaé foi construida em 1801, estilo arquitetônico eclético, em chácara situada na então Rua da Imperatriz e atual Rua Conde de Araruama, 248, no Centro. Em 21 de junho de 1999, por meio do Decreto Nº. 042, foi desapropriado pela Prefeitura de Macaé. As obras de restauração tiveram início em 2003 e foram concluídas no ano seguinte. No espaço com pátio, hall para recepção, quatro salas e um auditório com 30 lugares, denominado Presidente Washington Luís, foi instalado o Centro de Memória Antonio Alvarez Parada.

Atualmente, além de 1.372 livros, o Solar dos Mellos guarda uma importante coletânea documental composta por impressos, manuscritos, fotografias, registros de áudio e material audiovisual. Entre as coleções doadas estão exemplares dos jornais O Rebate, O Debate, a Gazeta de Macaé, e a Voz da Cidade. Os números encadernados estão sendo catalogados e digitalizados para sua preservação e para facilitar a pesquisa, assim como inventários e documentos dos acervos jurídico-cartoriais e eclesiásticos de Macaé.

Toda a programação oferecida pelo museu é gratuita. O Solar dos Mellos está localizado na Rua Conde de Araruama, 248, no Centro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here