Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Projeto Cultural 1001 Espetáculos leva teatro para escolas

A programação abrange oficinas e atividades teatrais para estudantes do primeiro ao terceiro ano

Em 26/02/2018 às 08h59


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

A intenção é movimentar o mercado cultural local A intenção é movimentar o mercado cultural local
Alunos da rede municipal participam do projeto cultural '1001 Espetáculos: um ônibus teatro', que visita, até março, as escolas Onilda Maria da Costa (Engenho da Praia), Colégio Municipal da Aroeira e Maria Cristina Castello Branco da Cruz (Assentamento Celso Daniel). A programação abrange oficinas e atividades teatrais para estudantes do primeiro ao terceiro ano. Um ônibus comum foi transformado em um equipamento teatral, com direito a estrutura de camarim, luz e som, figurino, pintura de rosto, cenografia e mobiliário para plateia.

A Escola Municipal Onilda Maria da Costa foi a primeira da rede a receber o projeto. Até segunda-feira (26), os 250 alunos, do primeiro ao terceiro ano, vão fazer parte das atividades. Os alunos Yuri Batista, Davi Batista Pereira, Caio da Silva Melo, Ana Beatriz de Oliveira e João Gabriel Vieira Mota participaram de oficina sobre diferentes áreas do teatro, incluindo jogos de dramatização, expressão corporal, fantoches, colocação de acessórios e adereços criativos.

"Gostei muito! Nunca vi um ônibus tão bonito. Foi legal. Coloquei coroa de rei e também aprendi um monte de coisas. Até dancei!", contou o aluno Davi, de seis anos. A estudante Ana Beatriz contou que sonha em ser artista. "Experimentei vários chapéus. Foi tudo muito diferente", observou.

Para a professora integradora Adelaide Afonso Rocha, a programação será inesquecível para os alunos. "Com certeza esta oportunidade cultural será proveitosa para o desenvolvimento da turma. Vou aproveitar e desenvolver atividades pedagógicas voltadas para criatividade e coordenação motora, que foram destaques no 1001 Espetáculos", pontuou. 

Já a diretora Eledir Pinto da Rocha ressaltou que o ano letivo está sendo marcante. "O projeto é uma chance de ampliação do universo cultural", afirmou. A superintendente de Educação Integrada, Andrea Martins, frisou que a meta do projeto é contemplar setores administrativos diversos. "Inicialmente as escolas no Engenho da Praia, Aroeira e  Assentamento Celso Daniel serão atendidas. Parcerias como estas fortalecem o processo de ensino", classificou.

De acordo com o secretário de Educação, Guto Garcia, o projeto reforça a meta da pasta de primar pela democratização do acesso à cultura e à formação de plateias. "Os alunos participam, aprendem e têm acesso a um ambiente diferente, que com certeza vai contribuir com o desenvolvimento de sua formação", disse.


Projeto visita municípios fluminenses

Além de Macaé , o "1001 Espetáculos", também está percorrendo cidades como Campos dos Goytacazes, Itaperuna e Niterói, com 200 oficinas e 90 espetáculos teatrais gratuitos envolvendo cerca de 20 mil crianças, 40 escolas públicas e 33 mil espectadores em áreas com pouco ou nenhum acesso a equipamentos teatrais.


Cultura

Nos finais de semana, a programação também acontece em espaços públicos com a apresentação de espetáculos de diferentes estéticas teatrais. A intenção é movimentar o mercado cultural local. No dia 3 de março, serão realizados dois espetáculo gratuito na praça da Beira Rio.  O espaço é localizado na rua Caetano Correa Reis, 493, na Barra.  O público poderá assistir a peça " Bumba meu boi. Brilho da lua", às 10h. Já às 15h será a vez da  Roda Interativa  de Danças Populares, às 15h.

No dia 10 de março, às 10h, o Complexo Poliesportivo da Ajuda vai receber a peça " Enquanto houver criança". Já às 14h, o " 1001 Espetáculos" promete contagiar a Ajuda  com a Roda Gigante. O Polo da Ajuda funciona na rua José Alves de Azevedo, snº, Ajuda de Baixo, próximo à subida do Planalto.

O projeto é realizado pela Spiral Criativa, em parceira com o Instituto JCA, e conta com o patrocínio da Auto Viação 1001 com recursos captados através da Lei de Incentivo do Ministério da Cultura.

Autor: O DEBATE

Foto: Ana Chaffin


    Compartilhe:

Tags: entretenimento


publicidade