Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

UFRJ \ Nupem recebe calouros de nutrição, medicina e enfermagem

Em 25/02/2011 às 18h33


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

O plantio de árvores foi uma das atividades realiz O plantio de árvores foi uma das atividades realiz
Um sonho que se tornou realidade. Na última segunda-feira (21) aproximadamente 70 estudantes deram ingressaram na educação superior em uma instituição pública Federal de ensino. 

A unidade escolhida pelos futuros profissionais da área de saúde foi a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) \ Macaé. No entanto a receptividade dos novos graduandos aconteceu na quarta-feira (23). Na oportunidade 20 estudantes de nutrição, 30 de medicina e 20 enfermagem receberam as boas vindas da unidade de ensino.  

Bate papo com os coordenadores de cada modalidade e o plantio de árvores marcaram o inicio da receptividade dos novos calouros. “Na oportunidade eles receberam orientações sobre cada curso e ainda realizaram o plantio de diversas espécies no pátio da instituição”, ressaltou Denise de Sá Soares, Técnica de Assuntos Educacionais da UFRJ Macaé. 

Ainda de acordo com Denise a programação para os novos alunos não pararam por aí. Já na parte da tarde representantes da instituição receberam os novos alunos. 
Já em março a unidade de ensino vai receber mais 225 estudantes, sendo 120 do curso de Engenharia (1ª turma), 50 de Farmácia, 30 de Biologia e 25 de Química. A receptividade está prevista para o dia 23.  

De acordo com Denise, a recepção não é feita no dia de inicio das aulas porque muitos alumos não comparecem a aula por medo de trote. “Por isso deixamos para recepcioná-los em um segundo momento”, disse.  

“É a primeira vez que a UFRJ abre um curso de engenharia fora na cidade. Por meio dessa iniciativa macaenses e Região passam a contar com um ensino gratuito e de qualidade”, enfatizou o professor da instituição Francisco Esteves. Na oportunidade ele salientou ainda que o curso vem suprir as demandas mercadológicas. 

“A engenharia é uma área pioneira onde o mercado de trabalho disponibiliza por ano 14 mil vagas de emprego e as instituições formam apenas sete novos profissionais”, concluiu Francisco. 

Autor: Juliane Reis | Juliane@odebateon.com.br

Foto: Divulgação


    Compartilhe:


publicidade