Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Nupem /UFRJ promove lançamento do primeiro livro sobre mamíferos

Em 12/02/2011 às 17h32 - Atualizado em 12/02/2011 às 18h03


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Visando suprir uma grande lacuna acerca do conhecimento da fauna - uma vez que o país não possui uma revista científica especifica sobre os mamíferos, além do boletim editado pela Sociedade de Mastozoologia (SBMz), o Núcleo em Ecologia e Desenvolvimento Socioambiental de Macaé (Nupem), em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), promoveu no último dia (7), o lançamento do primeiro livro sobre as espécies intitulado “Mamíferos de Restingas e Manguezais do Brasil”. A obra foi editada pela SBMz. 

A solenidade de lançamento aconteceu no auditório do Nupem / UFRJ. Palestras e coquetel fizeram parte da programação. Participaram do evento os professores Francisco Esteves, Leila Pessôa, autores e organizadores do livro, representantes da SBMz, diversos docentes e discentes da UFRJ - Macaé e participantes do curso 

“Verão com Ciências 2011”

Além de ser o primeiro livro a abordar o assunto, o título visa também reunir diversas informações sobre os mamíferos existentes em manguezais e restingas em diversos pontos do país. A obra traz ainda temas diferentes como composição faunística, aspectos relacionados à conservação, evolução e ecologia destes animais. “Além disto, destaca-se o fato de ser uma obra em português, a ser distribuída em diversas bibliotecas do país e do mundo. 

O que o torna ainda mais importante -  uma vez que grande parte das informações geradas nesta área são publicadas em outras línguas e apresentam-se de difícil acesso para a maioria dos brasileiros”, explicou Willian Tavares, um dos autores da obra e professor doutor da UFRJ.

Ainda de acordo com Willian Tavares, o livro pretende ser o primeiro de uma série a ser lançado pela Sociedade Brasileira de Mastozoologia - o ramo da zoologia que se dedica ao estudo dos mamíferos. Na oportunidade, ele enfatiza que o Brasil destaca-se como um dos países com maior número de espécies de mamíferos. “Espécies novas são descritas todos os anos e para muitas delas pouco se sabe além da sua existência, aspectos básicos de sua morfologia e alguns pontos geográficos de ocorrência”, ressaltou.  

“O livro relata o primeiro caso de endemismo de um mamífero em restingas, sendo este caso uma nova espécie de roedor descrita no Parque de Jurubatiba; o artigo científico será publicado em junho próximo e está no prelo no JornalMammalogy (EUA)”, completou Leila Pessoa. 

“A descoberta marca um grande avanço no reconhecimento da restinga de Jurubatiba como um patrimônio natural singular e único,cada vez mais digno de conservação tendo em vista os crescentes impactos humanos em nossa região”,enfatizou o professor Pablo Gonçalves. 

A obra é de autoria de diversos especialistas de todo o Brasil e foi organizado por Leila Maria Pessoa (UFRJ), William Correa Tavares (UFRJ) e Salvatore Siciliano (FIOCRUZ), todos membros da SBMz.

Autor: Juliane Reis | Juliane@odebateon.com.br


    Compartilhe:


publicidade