Diretor de futebol Mário Ferro e o jogador recém-chegado, Matheus Guimarães - Foto: Eduardo Araújo/Serra Macaense

O jogo começa a partir das 15h, no Estádio Ubirajara de Almeida Reis, em

Falta pouco para o Serra Macaense Futebol Clube reestreiar no futebol. A partida de retorno acontece neste sábado (19) contra o Serrano, às 15h, no Estádio Ubirajara de Almeida Reis, em Casimiro de Abreu, após os envolvidos, entre jogadores, equipe técnica, diretoria e colaboradores, passarem pelos testes de COVID-19, cooperando com os protocolos de ‘Jogo Seguro’, estabelecido pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FFERJ).

Para disputar o Campeonato Carioca – Série B1 2020, o “Verdão”, recebeu mais um reforço. Oriundo da categoria de base do Vitória/BA, o jogador Mateus Guimarães, meia, de 25 anos, passa a integrar o time, após passagem por times como Macaé, Fortaleza e Piauí.
Além do Matheus Guimarães, no meio-campo, o time também será defendido pelos jogadores, Heitor, Guilherme, Biel, Rafinha e Matheus Cirilo. Pelos lados, nas extremas, contará com Ramonzinho, Igor Paim, Cuero, Renato Rui e Matheus Bastos. Na artilharia, o Serra Macaense estará com Rhainer, Gabriel Diniz, Neemias e Jones. Como goleiros, Lucão e Otávio. Estigarribia, Iago, Júlio e Ronaldo, como zagueiros. Na lateral, Caio, Daniel, João Pedro, João Alves e Ricardinho. Já Alan, Ariel Perea, Pedro, Ramon Vitor e Vinícius, como volantes.

O técnico Luiz Felipe comenta sobre a equipe. “Temos um grupo que mescla a experiência de atletas rodados no Brasil e exterior, com jovens da casa, formados ou recém-chegados no Serra Macaense, mas com idade também para buscarem seu espaço e gerarem novos negócios futuros para o Clube, que todos sabem é uma das diretrizes. Eu sempre digo que não aponto destaques individuais das contratações, sobre os treinamentos, mas sim falo do todo, porque o futebol é coletivo. Certamente quando alguém desponta, há toda uma engrenagem por trás”, ressalta. E completou: “Esse ano posso dizer que temos grandes expectativas, será um campeonato diferente, por conta da pandemia, as dúvidas do futebol, então todos estamos ainda com dúvidas de futuro. Mas o trabalho do dia-a-dia está forte, intenso, com todos se entregando a cada atividade em prol do Serra Macaense”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here