Defensores, Servidores, estagiários e colaboradores da instituição participaram de confraternização simbólica pelo aniversário de 1 ano na nova sede - Divulgação/ DPRJ Macaé

Atendimento foi unificado e passou a ser oferecido em um único endereço, na Virgem Santa, no antigo prédio de O Debate. Objetivo é melhor atender a população com maior conforto e qualidade

A Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro (DPRJ) em Macaé comemorou, na última quinta-feira (13), 1 ano de serviços prestados em sua nova sede. Foi realizada uma comemoração simbólica, que contou com a presença de defensores, servidores, estagiários e colaboradores da instituição. A festa foi organizada e subsidiada pelos participantes, que em sua abertura contou também com uma apresentação musical.

Na oportunidade, a Defensora Pública Karen Simões agradeceu pelo ano em que esteve a frente da coordenação regional e anunciou a sua substituição. A partir da segunda quinzena de fevereiro, quem assume a função é a Defensora Paula Benette, que passa a responder pela instituição, que atende os municípios de Macaé, Rio das Ostras, Quissamã, Carapebus, Conceição de Macabu e Casimiro de Abreu.

“Agradeço a cada um, em particular, pelo excelente trabalho desenvolvido na Defensoria Pública. O empenho, a dedicação e a especial atenção no dia-a-dia tem gerado um impacto positivo na vida de centenas de macaenses. Vocês são essenciais e são verdadeiro orgulho para nós”, disse Dra. Karen.

Em fevereiro de 2019, todo o atendimento, que até então era distribuído em vários endereços pela cidade, passou a ser unificado em um só lugar, facilitando o acesso e trazendo maior comodidade à população.

“Foi um ano de muitas mudanças. Durante muitos anos sonhamos em ter uma sede própria, pois o espaço físico que tínhamos no fórum não dava conta da demanda de atendimentos. Então é um dia muito especial, pois comemoramos um ano na nova sede. E apesar de todos os desafios de gestão que ter um espaço próprio traz, sem dúvidas, pudemos profissionalizar mais o atendimento à população, que passou a contar com uma estrutura muito melhor”, concluiu a Defensora Pública.

A unidade leva o nome de Maria Elisa Gomes Sant’Anna, homenagem a defensora pública, que atuou na cidade e foi destaque na Comarca de Macaé, mas acabou falecendo em 2013.

A sede funciona no antigo prédio do jornal O DEBATE, situado na Rodovia RJ-168, km 04, nº 1.650, no bairro Virgem Santa. O endereço fica em uma área de fácil acesso à população e a poucos metros do Fórum da cidade.

A Defensoria Pública de Macaé funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, realizando atendimentos nas áreas cível, de família e criminal.

O espaço de 369 metros quadrados é totalmente climatizado e abriga 11 órgãos de atuação da Defensoria. Além disso, conta com uma sala multiuso, 29 call centers e um local de espera com mais de 80 cadeiras para a acomodação do público.

**Texto: Marianna Fontes, jornalista, com a colaboração de Nathália Brígida, servidora da DPRJ Macaé.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here