A Vereadora eleita, Iza Vicente, que será a única representante feminina na Câmara Municipal de Macaé.- Divulgação

Muitas surpresas marcam as eleições 2020 no Legislativo macaense com renovação parcial dos vereadores eleitos

As eleições 2020 ficarão marcadas como uma das mais surpreendentes da história de Macaé. As ‘velhas raposas’ políticas foram banidas do Legislativo macaense. O cenário político ganhou ares de renovação, senão total, mas expressivamente parcial.

Neste sentido, Macaé elegeu uma Câmara de Vereadores com nomes novos e outros conhecidos não conseguiram se eleger. Muitas surpresas ocorreram neste pleito, já que dos 17 atuais vereadores eleitos, apenas seis conseguiram se reeleger.

Os vereadores eleitos são os seguintes:

• Cesinha – 2.856 votos PROS – 90.630;
• Edison Chiquini – 2.830 votos PSD – 55.025
• Alan Mansur – 2.474 votos – Cidadania – 23.000;
• Paulo Paes – 1.898 votos DEM – 25.658
• Iza Vicente – 1.877 votos REDE – 18.018;;
• Luiz Matos – 1.873 votos – Republicanos – 10.100;
• Thales Coutinho – 1.822 votos PODE – 19.668;
• Tico Jardim – 1.817 votos PROS – 90.345;
• Rafael Amorim – 1.795 votos PDT – 12.000;
• Professor Guto Garcia – 1.625 votos PDT – 12.123;
• George Jardim – 1.471 votos PSDB – 45.678;
• Rond Macaé – 1.457 votos Patriota – 51.010;
• Luciano Diniz – 1.426 votos Cidadania – 23.650;
• Reginaldo do Hospital – 1.389 votos PODE – 19.000;
• José Prestes – 1.347 votos PTB – 14.234;
• Professor Michel – 1.039 votos Patriota – 51.444;
• Amaro Luiz – 972 votos PRTB – 28.444

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here