Recadastramento do Transporte Universitário termina nesta segunda

188
O processo deve ser feito pelo próprio estudante ou terceiro que esteja com procuração por instrumento público - João Barreto Arquivo Secom 

Atendimento acontece na Secretaria de Educação, das 9h às 16h30

Termina nesta segunda-feira (25), o recadastramento do Transporte Social Universitário (TSU). Os usuários já atendidos pelo programa devem se dirigir à sede da Secretaria de Educação, Rua Vereador Djalma Sales, 591, Novo Botafogo, das 9h às 16h30. O não comparecimento implicará no desligamento do programa. O processo deve ser feito pelo próprio estudante ou terceiro que esteja com procuração por instrumento público.

O Transporte Social Universitário atende gratuitamente alunos que estudam em faculdades nas cidades de Campos dos Goytacazes, Rio das Ostras, Rio de Janeiro e Niterói, além daqueles que moram na região serrana. Em caso de dúvidas, o interessado deve entrar em contato pelo endereço eletrônico tsu@macae.rj.gov.br ou pelo telefone (22) 2765-1298.

Documentos – Para realizar recadastramento, o usuário deve apresentar cópias e originais dos seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, carteira de usuário do TSU, além de comprovante de residência de Macaé (conta de telefone fixo, água, luz ou gás), caso tenha ocorrido mudança de endereço do usuário, certidão de quitação eleitoral, além da declaração de matrícula original referente ao primeiro semestre letivo de 2019. As cópias dos documentos deverão ser apresentadas em um documento por folha.

Na próxima semana, a coordenação do programa vai divulgar no site oficial da prefeitura (www.macae.rj.gov.br) as mudanças do itinerário da linha Macaé-Campos com saída às 16h30 e 17h15 e retorno às 22hh50. A adequação é para melhoria no atendimentos dos usuários.

Cadastro – Cerca de 200 universitários se inscreveram no cadastro do TSU, encerrado no dia 8 de fevereiro. O resultado está previsto para ser divulgado no site da prefeitura de Macaé, no dia 11 de março.

No ano letivo de 2018, o programa atendeu cerca de 600 alunos que estudam em faculdades fora de Macaé em cursos que ainda não são oferecidos no município, conforme critérios previstos na Lei n° 2.882/2007, que altera a Lei n° 2.589/2005.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here