Através do twitter, Dr. Aluizio vem recebendo elogios, incentivos e crítivas às suas ações em prol do combate a pandemia no município - Divulgação

Ao fazer um comentário na sua conta no Twiter, sobre a flexibilização do comércio, a plataforma que virou um canal direto ganha apoio da comunidade.

A conta do Twitter do prefeito Dr. Aluízio Junior se transformou num expressivo canal direto de comunicação. Pelo menos isso foi observado nos últimos dias, quando a postagem tratou da questão de uma futura flexibilização do comércio que virou ponto de discussões, elogios e incentivos, onde as pessoas usaram a rede social para defender e apoiar as ações do prefeito, e outras considerando uma temeridade abrir algum estabelecimento neste momento de pico do coronavírus.

Dr. Aluízio que vem usando de muita sensatez e adotando medidas de contenção do coronavírus no Município de Macaé, cumprindo à risca o que estabelece a Organização Mundial da Saúde (OMS), afirmou que: “O Plano é gradual, envolve reinserção de atividades por etapas. O fator limitador será a taxa de ocupação dos leitos de CTI SUS, de cuja média atual oscila em torno de 50%”. Esta frase decisiva ganhou dimensão nos comentários e em seguida um comentário: “Nós empresários e empresas precisamos ajudar a prefeitura com esse plano, não deixando aglomerar no estabelecimento. Só entrar com máscara e exigir do cliente usar álcool gel nas mãos. Não podemos colocar a culpa da pandemia nos governantes. Aconteceu. Agora é cuidar”.

“Sei que o senhor está sendo super competente na proteção de todos nós e tem a minha gratidão. Mas depois de ler as posições da UFRJ e da Fiocruz, só me vem a cabeça que essa abertura vai dar M”.

A partir daí surgiram inúmeros comentários, destacando-se os seguintes:
“Um exemplo do que rolou nos EUA durante a gripe espanhola, veja como em St. Louis (nós) medidas sérias foram tomadas cedo e tentar voltar ao normal antes da hora criou um novo pico (14/12), enquanto outros lugares estão em caos como na Philadelphia, nós DEVEMOS continuar em casa!”

“O senhor tem feito uma gestão exemplar da situação desde o início, com uma dedicação pessoal e profissional irretocáveis. Somos o município da região com o maior número de casos. Por favor, não ceda a pressões políticas e ponha todo o resultado alcançado a perder.”

“Onde vamos fazer o teste pra podermos voltar a trabalhar?”
“Desculpa Prefeito, a abertura das atividades laborais de Macaé mesmo que graduais trará à cidade danos maiores do que se pode prever. Uma população que não respeitou quando lhe dito para ficar em casa, vai respeitar agora com a volta “gradual” das atividades? O senhor vem tentando manter a cidade segura, mas infelizmente o desgoverno que existe nas esferas superiores e uma classe de empresários pressionando por medo da perda financeira trarão números de mortos para cidade que os cemitérios não darão conta.”

Dr. Aluizio responde: “Estamos entrando no inverno, é comum a fase inicial de baixas temperaturas o aumento das crises asmáticas, gripes e resfriados. Seria mais prudente continuarmos com certo cuidado e isolamento a medida do possível. Os números só estão aumentando!”

“Parabéns, Dr. Aluízio! Este é o caminho correto. Abertura Gradual. Toda a População de Macaé apoia a abertura. Infelizmente eles não têm acesso ao twitter para expor a opinião. Sugiro também que o Senhor apoie mais o nosso Presidente. pois ele é como o Sr., íntegro e correto.”

“Aqui no Sana teremos um boom no turismo, gente de todos os lados, com certeza sofreremos com a abertura, mas o senhor sabe o que faz, tem nosso apoio mesmo com todos aqui temerosos.”

“O problema maior é a pressão que está sendo feita, infelizmente, o povo está brincando com a realidade. Mas seja o que Deus quiser.”

“Tem que se pensar nas mulheres que trabalham no comércio e não têm com quem deixar os filhos. Nada de creche e escolas, mas uma plano comunitário, um ajudando o outro. Quem tem parentes ou alguém para deixar os filhos está tranquilo; e quem não tem? Difícil!”
“Parece questão política. Não vejo muita lógica em falar sobre reabertura gradual quando os casos continuam subindo e o inverno chegando. Mas vamos pagar pra ver, porque não vai dar certo e terão que fechar tudo de novo, ou simplesmente a vida não vale mais.”
“Infelizmente não parece, de fato, é questão política! A curva crescendo e eles querendo aliviar a quarentena, se com restrição a população não respeita e os números de contaminados só aumentam, imagina liberando. Deus nos guarde”

Os casos só aumentam, não há achatamento da curva, só estamos aumentando e aumentando cada vez mais. As pessoas não respeitaram em tempo de isolamento, ainda mais em tempos de abertura gradual. Por favor, repense.”

“Creio que não vai dar certo. E vão ter que fechar tudo de novo. Tomara que esteja errada.”
Construção civil não foi citada em nenhum decreto, porém vejo muitas obras em andamento e outras tantas paradas e deteriorando. Existe alguma orientação por parte da prefeitura em relação a essa importante área?

Por absoluta questão de ética não revelamos os nomes das contas das pessoas que discutiram diretamente o tema e apenas divulgamos para evitar que mensagens consideradas fake news sejam consideradas por alguns.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here