CIGARRAS DE MACAÉ – Neste 12 de janeiro de 2019, apresentamos poesias de nossa querida Cigarrinha Maria Inez Lemos Vieira:

Saiu vestido de azul
sobre as ruas claras que nem via
mas o luar que clareia as madrugadas
os seus passos na areia sombreia
e cada passada sua é como vento
que derrete até pensamentos
quando os mesmos só são de neve
e caminhando tão distante dos momentos
de leve leva em devaneio o nome
e caminhando tão distantes dos momentos
de leve leva em devaneio o nome
que, de repente se acende no lumiar
de vento e de areia.

Espaço

Vivo o momento que existe
não sou poeta
nem triste
e na poesia que faço revelo
da vida o espaço
que me coube sei
é pouco
mas o que ainda me resta
despacho.

cigarrasmacae@gmail.com <mailto:cigarrasmacae@gmail.com>
Aurora Ribeiro Pacheco

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here