Começou nesta quarta-feira (5) a entrega de 3.642 materiais esportivos, que farão parte das atividades de recreação e aulas de Educação Física de 45 escolas municipais participantes da Rede de Parceiros Multiplicadores em Esporte Educacional. Os kits contam contam com itens como bambolês, bolas de basquete, futebol e vôlei. A próxima etapa será a entrega dos certificados, no mês de março, para 80 professores e diretores que participaram dos dez encontros de formação teórica e prática nos anos letivos de 2018 e 2019.

O projeto é fruto da parceria entre o Instituto Esporte & Educação (IEE), criado e presidido pela medalhista olímpica Ana Moser, e a Petrobras. O secretário de Educação, Guto Garcia, esteve presente na entrega dos materiais no Colégio Municipal Aroeira, que atende 876 alunos do 1º ao 5º ano e Educação de Jovens e Adultos (EJA). Acompanhado pela superintendente de Educação Infantil, Mariana Duarte e das integrantes da equipe de Educação Física da rede municipal.

“O esporte é de fundamental importância. Priorizamos a ampliação, cobertura e construção de dez quadras novas nos anos de 2019 e 2020. A orientação para os diretores é que reforcem e implementem em suas escolas, atividades como artes marciais, capoeira, futebol, voleibol e basquete, não somente nas aulas de Educação Física, mas nos horários divergentes aos de aula”, comentou Guto.

Os alunos comemoraram a chegada dos kits. Entre eles, Eduardo Silva e Pedro Miguel Siqueira. “Gostamos das novas bolas. Adoramos as aulas de Educação Física, principalmente as de futebol”, contaram os estudantes do Colégio Aroeira. A diretora, Dulcinea Amado e o professor de Educação Física, Júlio César de Souza Carmo, elogiaram a iniciativa. “Com certeza a escola só vai ganhar. É muito bom ver que, em 2020, as aulas serão favorecidas com materiais que vão ampliar as possibilidades de ensino”, pontuaram.

Na Escola Municipal de Educação Infantil Wanderley Quintino (Malvinas), a entrega foi para atender 280 alunos na faixa de dois a cinco anos. Segundo a diretora Lídia Catarina Pareto, os materiais vão contribuir nas atividades diversas. “Com certeza os kits vão ajudar no desenvolvimento de diferentes tarefas com a garotada”, comentou. A professora integradora, participante da formação do projeto, Beatriz Santos, elogiou o curso. Já o professor de Educação Física, Marlon Machado, revelou que os itens facilitarão suas aulas. “Com certeza os kits vão fazer diferença, principalmente em relação a coordenação motora e psicomotricidade”, disse Marlom.

No ano letivo de 2019, a Rede de Parceiros Multiplicadores em Esporte Educacional entregou 1.300 coletes para as escolas integrantes do projeto. O objetivo foi reforçar a formação de professores no processo de ensino e aprendizagem do esporte educacional e democratizar essa prática por meio da articulação, formação e aplicação de aulas voltadas para área esportiva. Segundo a coordenadora de Educação Física da Educação Infantil, Fernanda Leão, a parceria foi essencial pois conseguiu agregar conhecimentos aos participantes. “Eles puderam enriquecer as estratégias, com acompanhamento e avaliação das práticas pedagógicas e recebimento de kits com materiais como apostilas, camisas e sacolas”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here