Em compromissos na região ex-juiz federal afirma que região é o centro de produção agrícola com potencial para a indústria de transformação

Discurso é de Wilson Witzel, pré-candidato do PSC ao Governo do Rio, durante visita à região

O ex-juiz federal Wilson Witzel, pré-candidato ao Governo do Rio pelo Partido Social Cristão (PSC), esteve nesta semana nos municípios de Campos dos Goytacazes, Itaocara, Aperibé e Cambuci e falou sobre o potencial da região. “Precisamos de investimento na agricultura, no crescimento da produtividade com qualidade técnica. Além disso, esta área é um centro de produção agrícola com potencial para a indústria de transformação. É necessário atrair empresas para os pólos industriais e redesenhar a matriz econômica do Rio”, afirmou Wilson.

Em visita a Campos, ele deu entrevistas a veículos da mídia local, quando falou sobre as necessidades da região: “Com a crise que atingiu o estado do Rio de Janeiro, empresas saíram de Campos e Macaé e migraram para o pré-sal. Precisamos trazer esse investimento de volta, isso é geração de emprego e renda”, defendeu, ao lado do presidente nacional do PSC e pré-candidato do partido ao Senado, Pastor Everaldo Pereira, e de lideranças regionais.

Wilson já havia visitado Itaocara, onde se encontrou com o vice-prefeito, Robério Areia Sampaio, o presidente do PSC na cidade, Lairo de Cerqueira Lima, e outras lideranças. De lá, seguiu para Aperibé, onde foi entrevistado pela Rádio Educação em conjunto com Inácio Zanata, candidato a prefeito do PSC. No fim do dia, o ex-juiz federal foi recebido na Câmara Municipal de Cambuci pelo presidente da Casa, José Ronaldo.

Entre suas prioridades estão a segurança pública e o combate à corrupção. “O estado do Rio precisa de uma Lava-Jato da Segurança: uma força-tarefa que, além das polícias Civil e Militar (e também da Polícia Federal), envolva juízes, Ministério Público, Receita Federal, Defensoria Pública, entre outras instituições”, diz, complementando que os esforços não podem se limitar à capital: “A investigação deve seguir o crime organizado e o tráfico de armas e drogas onde for necessário, por todo o estado. Só assim será possível ter resultados efetivos contra o crime e devolver a paz às famílias.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here