CIGARRAS DE MACAÉ – Ano Novo, esperanças renovadas, o amor sempre em primeiro lugar… Cigarras cantam para Macaé, desejando progresso e felicidades a todos.

Noites de Minha Terra
Laurita de Souza Santos Moreira

Noites de minha terra
Que se estendem na planície, mar e serra
Noites dotadas de tantas prendas
Cheias de graça, carisma e lendas.
De rocha em rocha pular
Riem travessos regatos
Em seu perpétuo brincar,
Embalando nosso sono no doce chuê-chuá
As cachoeiras franjadas esmeram o seu cantar,
Bem lá no fundo da mata
Prateada do luar.
Noites em que canta o vento
Histórias das sinhazinhas,
Mucamas, sonho, sinhá,
Num perfume de passado
Madressilva e resedá.
Canto de canavial, cafezal e verde mar,
Que na praia imensa alastra
Medusas, algas, conchas
E búzios a chocalhar,
Acompanhando a cantiga
O canto de vede mar.
Noites de minha terra… Encantadas
De seresta e toadas,
Presente e passado enlaçados…
Noites… Noites estreladas,
Maresia perfumada
De petróleo, garapa e café,
Fantásticas… Enfeitiçadas
Cantam sereias e fadas
Nas noites de Macaé!

cigarrasmacae@gmail.com <mailto:cigarrasmacae@gmail.com>
Aurora Ribeiro Pacheco

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here