Moradores do Condomínio Vista da Lagoa continuam desesperados com a falta d’água - Foto divulgação

O desespero continua imperando no Condomínio Vista da Lagoa, no Bairro São Marcos. Em plena pandemia e com os termômetros se aproximando dos 40 graus, os moradores estão sofrendo com a falta d’água.

Desta vez, quem denuncia é a moradora Michele Leão, que relata o sofrimentos de todos os moradores do local. “Estamos há uns três meses sem abastecimento regular, tendo que recorrer a carro pipa, ficando muitas vezes sem uma gota d’água nas torneiras. E agora há três semanas que cai nem uma gota”, conta Michele.

“A situação está crítica demais!”, desabafa Romero, morador do mesmo condomínio, que afirma que o problema atinge a vizinhança, como a Granja dos Cavaleiros e o Vale Encantado, que também estão sem água há semanas, não sabendo a quem recorrer pois a Cedae não atende as reclamações

Boa notícia: Procon notifica Nova Cedae

Uma expectativa de solução para a questão da falta d’água em Macaé surge neste momento: a Prefeitura de Macaé, por meio da Procuradoria Adjunta de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Macaé), notificou a concessionária de água Nova Cedae. O Auto de Notificação, número 482A, foi entregue pelos fiscais do Procon na sede da empresa.

Segundo o Procurador Adjunto, Gilcimar Prata, a decisão foi tomada após o órgão receber reclamações de consumidores sobre a falta de água. “A empresa terá um prazo de 48 horas para prestar esclarecimentos sobre problemas com o abastecimento de água e apresentar as providências que estão sendo tomadas para sanar a questão”, frisou.

O Procurador acrescentou que o Auto de Notificação foi necessário pois a Nova Cedae é a responsável pelo fornecimento de água no município e não há outra alternativa para o consumidor. “O fornecimento de água é uma prestação de serviço essencial, que deve chegar de maneira contínua às residências dos moradores”.

Gilcimar ressaltou, ainda, que quando houver algum problema na rede de abastecimento e o fornecimento for interrompido, a empresa precisa dispor de alternativas como o abastecimento por carro pipa, de forma gratuita, para os consumidores que se sentirem prejudicados.

Prazo para resolver

Dentro do prazo estabelecido no Auto de Notificação, a Nova Cedae também terá que responder se está fornecendo e qual o prazo de entrega do caminhão pipa, após o pedido do consumidor. Além do prazo para regularizar o abastecimento de água na cidade.

Após a apresentação da defesa referente a notificação do Procon, o processo administrativo instaurado será direcionado ao setor jurídico do órgão para análise e verificação de possíveis sanções à empresa.

Em caso de denúncias ou reclamações, a população pode entrar em contato com o Procon através do e-mail (atendimento.procon@macae.rj.gov.br) ou pelo APPMacaé.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here