Prefeitura finaliza licitação para elevar capacidade de testagem em massa da população

Diante de um novo estágio da pandemia do Coronavírus, Macaé se antecipa às estratégias de enfrentamento ao contágio local da doença, o que assegura um maior controle e tempo na tomada de decisões que refletem diretamente na rotina econômica da cidade e de atendimento na rede de saúde pública.

O novo passo é o investimento na expansão do laboratório montado no Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade, o Nupem, através do convênio celebrado junto a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Dedicado a realizar pesquisas e produzir os testes sorológicos do COVID-19, o laboratório garante dados importantes para identificar o comportamento da pandemia na cidade, definindo assim estratégias como o aumento do número de leitos no Centro de Terapia Intensiva (CTI) dedicados ao tratamento de pacientes em estágio avançado da doença.

Além do aumento do espaço físico do laboratório, a prefeitura de Macaé assegura também a aquisição de todos os materiais e insumos necessários para a realização dos testes, permitindo assim a execução da testagem em massa da população, medida que também será adotada pelo governo do Estado do Rio de Janeiro nesta segunda “onda” da pandemia.
Pelo Twitter, o prefeito Dr. Aluízio garantiu que a ampliação do laboratório e a manutenção dos testes serão mantidos nesta nova fase preocupante da pandemia.

“Finalizando a Licitação para ampliação do laboratório. Mais uma vez minha gratidão ao NUPEM pelo compromisso com a ciência, com Macaé e região. A tormenta passará e novos conhecimentos , como frutos, darão lugar a dias de luz”, escreveu o prefeito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here