Depois de incidente na segunda-feira, prefeitura deu início a remoção das peças do estádio ontem - Divulgação/ Rui Porto e João Barreto

Clube lamentou o ocorrido, ressaltou que ninguém ficou ferido e que, em breve, irá divulgar o novo local de jogo no sábado

Se na Seletiva do Campeonato Carioca o Macaé Esporte vive uma boa fase, fora de campo o clube tem enfrentado um grande transtorno com a interdição do Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo, o Moacyrzão. Depois de alegar que iria aguardar as orientações da prefeitura para se pronunciar sobre o caso, o Leão finalmente comentou sobre o incidente.

Em nota, divulgada na sua mídia social oficial, o clube foi breve e disse que lamenta os últimos acontecimentos no Moacyrzão. A diretoria também ressaltou que ninguém ficou ferido com o incidente da última segunda-feira (6), quando parte da cobertura da arquibancada desabou por conta do forte vento e da chuva que atingiram a cidade nos últimos dias.

Diante dos riscos, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) suspendeu qualquer jogo oficial no estádio por tempo indeterminado. Na noite de segunda-feira, ela enviou uma nota ao Leão, divulgada pelo jornal O DEBATE na reportagem de ontem (7), informando da decisão e também solicitando que o clube manifestasse qual o outro local ele gostaria que ocorresse o jogo contra a Portuguesa, válido pela última rodada da etapa preliminar do estadual, que será neste sábado (11).

O Macaé ainda não confirmou o local, mas a opção mais provável é o Estádio Ferreirão, em Cardoso Moreira, onde joga hoje (8), contra o Americano, às 15h.

A prefeitura ainda não deu detalhes sobre quais os próximos passos serão dados em relação a reforma do Moacyrzão, tampouco quando ele deverá ser liberado novamente. No entanto, na terça-feira, uma equipe da Secretaria de Infraestrutura deu início aos trabalhos no local, com a retirada das peças que caíram

O governo municipal, inclusive, mencionou o incidente de ontem, quando parte do estádio pegou fogo, fato que chamou atenção de muitos macaenses no entorno.

A prefeitura diz que o uso de maçaricos e soldas provocou pontos de fogo, devido a reação física à tinta da pintura da estrutura metálica, mas que o ocorrido não apresentava maiores riscos. Ela enfatizou que toda a operação é acompanhada pela Brigada de Incêndio do estádio e pela Defesa Civil.

Nota do Macaé Esporte:

“O Macaé Esporte lamenta os últimos acontecimentos no Estádio Cláudio Moacyr. Somos gratos a Deus por ninguém ter ficado ferido. Estamos trabalhando focados no importante jogo de amanhã, diante do Americano, em Cardoso Moreira.

Temos certeza que a nossa torcida nos apoiará nesses dois jogos, que são os mais importantes do ano para a nossa equipe.

Em breve informaremos o local da partida com a Portuguesa”.

Confira todo o caso no link: https://www.odebateon.com.br/apos-interdicao-do-moacyrzao-jogo-entre-macae-e-portuguesa-podera-ser-no-ferreirao/.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here