O corpo da jovem foi arremessado para longe do local onde aconteceu o acidente

Um trágico acidente foi registrado no início da tarde desta segunda-feira (17), por volta das 13h, na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), no bairro Praia Campista. Uma mulher jovem, identificada como Kyara Rozostolato, de 22 anos, morreu atropelada no local. Segundo informações, Kyara era de Carangolas, Minas Gerais e morava em uma república de estudantes em Macaé, onde cursava Engenharia pelo Instituto Federal Fluminense (IFF).

Pessoas que passavam pelo local ficaram muito espantadas com o que viram. A vítima foi atropelada por um automóvel, de cor branca, que estava trafegando na rodovia. A jovem, que usava uma blusa de cor rosa e calça jeans, foi arremessada a uma distância considerável, deixando o trânsito lento no início da tarde.

Kyara era de Carangolas, Minas Gerais

Na rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), muitos acidentes ocorrem com vítimas fatais. Diariamente, o movimento intenso no trecho que liga Macaé a Rio das Ostras, deixa os motoristas irritados, muitas vezes pelo grande número de veículos que trafegam entre as duas cidades por ser Macaé a base do trabalho da maioria das pessoas.

Segundo informações da Polícia Militar, o motorista do veículo, que vinha de Rio das Ostras em direção a Macaé, foi surpreendido pela vítima, que tentou atravessar a estrada correndo. O condutor do carro não teve tempo de frear e a mulher foi arremessada para longe do local de onde aconteceu o acidente.

Manifestantes chegaram a atear fogo no meio da pista, em protesto, interditando os dois sentidos da rodovia. Alguns carros deram meia volta para fugir do transtorno. O trânsito ficou completamente engarrafado. O corpo, que ficou mais de duas horas exposto no acostamento da RJ-106, foi removido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Macaé para as medidas de praxe.

LAGOA DE IMBOASSICA

O empresário identificado como Raphael Medeiros, de 36 anos, que dirigia um veículo, modelo Pegeout 306, acabou colidindo em um poste na altura do Terminal Lagoa, na noite do último sábado (15). Com o impacto da batida, o carro partiu ao meio. Raphael estava sozinho no veículo e morreu na hora.

Ele era empresário e dono de uma pizzaria no Mirante da Lagoa. Segundo informações, o comerciante teria levado um funcionário até a residência, após o expediente e retornava para casa, quando aconteceu o acidente.

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Macaé.

3 COMENTÁRIOS

  1. Acho que antes de você julgar o comportamento dela você deveria lembrar que em algum momento você já atravessou fora da faixa, essa moça a qual você esta falando estava indo para uma entrevista de estagio, cresceu sempre respeitando as regras de trânsito, sei disso pq eu vi ela nascer e crescer, e você não faz um pingo de ideia do que é viver os dias sem poder falar com ela ou ver o sorriso dela. Não julgue quem você não conheça ok. Lauro não desejo que você passe o que estamos passando que nenhum parente ou amigo seu morra no trânsito.

Deixe uma resposta para Marvin Cancelar resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here