pro-uni-educação
Procedimento deverá ser feito pela internet no site do programa - Wanderley Gil 

O procedimento deverá ser feito pela internet pelo site do programa

Quem deseja concorrer a uma bolsa oferecida pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) no primeiro semestre de 2019 deve ficar atento. As inscrições terminam no próximo domingo (3), às 23h59 (horário de Brasília). O procedimento deverá ser feito pela internet pelo site do programa (prouni.mec.gov.br).

De acordo com o Ministério da Educação, o resultado da pré-seleção da primeira chamada será divulgado em 6 de fevereiro. A lista com os nomes da segunda chamada será publicada em 20 de fevereiro. A matrícula nas instituições ocorre de 6 a 14 de fevereiro.

No caso do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), as inscrições vão de 7 a 14 de fevereiro. O resultado será divulgado em 25 de fevereiro. Os selecionados têm de 26 de fevereiro a 7 de março para complementar os dados cadastrais. O programa financia os estudos em instituições privadas de ensino superior.

A mudança no cronograma ocorreu após a pasta ampliar o período de inscrições do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas em universidades públicas até domingo (27). Os três programas usam a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para selecionar os candidatos. No caso do Prouni, além disso, só podem participar alunos brasileiros que não possuem curso superior e que tenham cursado o ensino médio completo na rede pública ou como bolsista integral na rede privada. Alunos que fizeram parte do ensino médio na rede pública e a outra parte na rede privada na condição de bolsista ou que sejam deficientes físicos ou professores da rede pública também podem solicitar uma bolsa.

O candidato que quiser uma bolsa integral deve ter uma renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais de 50% são destinadas aos alunos que têm uma renda familiar per capita de até três salários mínimos. Quem conseguir uma bolsa parcial, e não tiver condições financeiras de arcar com a outra metade do valor da mensalidade, pode utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here