Governo define candidatura própria após Câmara antecipar batalha pela sucessão

682

Chapa “puro sangue” apoiada pelo prefeito ganha espaço diante do projeto construído nos bastidores do Legislativo

A proximidade entre o prefeito Dr. Aluízio e o PSDB consolidada nesta semana representa, não apenas um marco importante para as redefinições políticas na cidade, como também o anúncio de um fato não inédito, porém inesperado para muitos: o governo terá candidatura própria em 2020.

Após a Câmara de Vereadores apostar no mandato conquistado por Welberth Rezende (PPS) na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), como a força ideal para construir um nome forte para disputar a sucessão no ano que vem, o governo passa a avaliar nomes internos, que possam se assemelhar a popularidade do médico/prefeito, para enfrentar o crivo das urnas.

A aprovação popular alcançada através de medidas adotadas na Saúde e na Educação, e o fortalecimento de secretários estratégicos na condução política da administração, garantiram ao prefeito o ânimo necessário para encarar a quarta eleição. Só que dessa vez em uma posição mais confortável.

E essa movimentação provocou impacto, não apenas nas alas internas da prefeitura, como também nos corredores do Palácio Natálio Salvador Antunes.

Enquanto ganha tempo para avaliar nomes para a chapa “puro sangue”, o prefeito conduz o governo com o objetivo de garantir o encerramento do seu segundo mandato com a popularidade em alta, pautada por medidas como a transparência no ponto biométrico, na redução de despesas com a folha de pagamento, restruturação da rede pública de Saúde e a qualidade dos atendimentos prestados no Hospital Público Municipal (HPM).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here