Moradores aguardam obras prometidas pela Prefeitura

Problema é antigo, e apesar das inúmeras promessas feitas pela Prefeitura, obras ainda não foram executadas no local

Sem a devida atenção do poder público o esgoto continua jorrando a céu aberto no Quinta da Boa Vista. Na última semana, quando procurada pela redação do Jornal, a Prefeitura informou que “a Secretaria de Saneamento disse que a equipe técnica realizou vistoria no local, constatando presença de esgoto na rede de drenagem de águas pluviais, possivelmente oriunda de ligação clandestina.

Ainda segundo o órgão, a partir da situação constatada, foi solicitada à BRK Ambiental, Secretaria de Serviços Públicos e Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade ação conjunta, a fim de viabilizar a verificação in loco e prospecção no interior da rede. Caso sejam confirmadas possíveis ligações clandestinas, serão aplicadas as medidas cabíveis.

No entanto, a equipe de reportagem do Jornal esteve na tarde de ontem (15) no local e nada havia sido feito no local. E enquanto isso, os dejetos seguem jorrando.

De acordo com moradores, o problema é antigo e a solução para ele, apesar de parecer simples, está longe de se tornar realidade. “Já tem mais de um ano que isso vem acontecendo aqui na Rua Joel Cruz colocando em risco a vida de todos nós, uma vez que esses dejetos acabam infiltrando no solo, podendo comprometer, também, o lençol freático. Sem contar os riscos de acidentes”, disse recentemente um morador.

Em outras vezes quando foi procurada pela redação do Jornal, a Prefeitura disse que o problema seria resolvido. Em novembro, por exemplo, a informação dada à redação do Jornal foi de que, através de diligência de fiscalização de ordem sanitária, a equipe de fiscais da Secretaria Adjunta de Saneamento verificou a existência de vazamento de esgoto no loteamento Quintas da Boa Vista, ocasionado pela falta de sistema de recalque de efluentes e de tratamento de esgoto. Entretanto, segundo o órgão, após ser notificada pela Secretaria Adjunta de Saneamento, a empreendedora LOTEAR EMPREENDIMENTOS apresentou projeto executivo do sistema de recalque de efluentes (já aprovado pela secretaria) o qual possibilitou o início das obras.

Quanto à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), os projetos estão sendo elaborados e nos próximos dias devem ser apresentados à Secretaria Adjunta de Saneamento.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here