Os resultados surpreenderam os técnicos presentes durante os testes.
Os resultados surpreenderam os técnicos presentes durante os testes.

A American Bio, divisão da empresa macaense American Clean,
foi convidada pelo Governo Federal através do Ministério do Meio Ambiente, para apresentar ao IBAMA de Pernambuco uma possível solução para a limpeza do petróleo que chega à costa de alguns estados nordestinos.

A empresa macaense foi convidada pelo Governo Federal através do Ministério do Meio Ambiente para apresentar soluções para o desastre ambiental com óleo no Nordeste

A empresa, acompanhada pelo órgão ambiental, vem realizando demonstrações desde de a última quarta-feira, 6, apresentando uma solução viável para acelerar a limpeza e biorremediação das áreas impactadas.

Para estas apresentações iniciais, a American Bio utilizou seus produtos biotecnológicos, orgânicos, com PH neutro e a base de água, todos com certificações internacionais como IMO, FDA e EPA, além do US-Navy e outros selos verdes.

Os resultados surpreenderam os técnicos que acompanharam o processo

Os resultados iniciais foram surpreendentes com efetivo resultado na limpeza de rochas atingidas pelo óleo (hidrocarboneto), algumas já contaminadas a vários dias.

Foram realizadas aspersões com borrifador manual simples de dois produtos diferentes, o American Sea Brat e o American Petro Clean e ambos mostraram resultados positivos e imediatos.

Além das rochas, um teste simples no tronco de um coqueiro, que tem sua superfície extremamente porosa, também apresentou resultado imediato e satisfatório.

Por ser um produto biológico, não oferece risco ao meio ambiente e também muito eficiente para a limpeza de animais que porventura tenham contato com o óleo. Também não oferece qualquer risco aos seres humanos e sua aplicação e funcionalidade já foram testadas em 2010 no Golfo do México pela BP com o aval direto dos EUA.

A empresa continua no Nordeste e, sob acompanhamento do órgão ambiental, mais apresentações estão sendo executadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here