Thales e Guto firmam parceria em projeto que pavimenta um novo futuro para Macaé através da Educação e da Cultura

Através de Feira Literária, secretarias promovem iniciativa que pavimentará o futuro da Capital do Petróleo

Se a Educação é a garantia de um futuro de prosperidade, com qualidade de vida para a população macaense, a Cultura se aplica como um complemento importante nas verdadeiras transformações que só o aprendizado é capaz de projetar.

Por isso, em Macaé, a Educação e a Cultura se uniram num só projeto inovador na região, com potencial de equalizar as diferenças sociais e econômicas ainda presentes no cotidiano dos mais de 250 mil habitantes da cidade que se preparam para encarar um novo cenário de desenvolvimento, através da perspectiva do petróleo.

Ao longo desta semana, o II Festival de Literatura & Cultura de Macaé utilizou o tema “Mama África” para conceituar as raízes que formam as características principais do país ainda polarizado por discussões políticas e partidárias que, ao contrário do projeto fundado na cidade, se distanciam cada vez mais da conciliação e do entendimento.

Através do projeto baseado na aliança entre os secretários de Educação, Guto Garcia, e o de Cultura, Thales Coutinho, a cidade conhece uma proposta interessante, que tende a se fortalecer no próximo ano.

“Educação e Cultura caminham juntas e, a partir de agora, essa aliança se fortalece cada vez mais, através do nosso trabalho na defesa por um ensino público democrático, e da dedicação de Thales em levar a arte, em todas as suas manifestações, para todos os macaenses, independente de qualquer diferença social”, afirmou Guto Garcia.

Encerrado na sexta-feira (25), o II Festival de Literatura & Cultura de Macaé marcou a importância de diversificar as formas do ensino e da arte, estimulando as crianças e adolescentes a conhecerem um mundo diferente, mas importante para a formação de um cidadão de bem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here