A programação foi realizada durante todo o dia com serviços no espaço interativo Saúde e Vida, de artesanato, massagem e maquiagem

ACIM mobiliza comércio do centro para prevenção do câncer de mama Roda de Conversa Rosa é sucesso na Câmara

A União Macaense de Combate ao Câncer de Mama (Unamama) em parceria com a Câmara Municipal e a Associação Comercial e Industrial de Macaé (Acim) promoveram um dia de conscientização para a prevenção do câncer de mama com uma roda de conversa rosa, artesanato, serviços de saúde e atração musical, no Centro Cultural do Legislativo.

Participaram da Roda de Conversa a mastologista Karina Crespo Schueler; a liderança feminina na política e ex-paciente de câncer, Marilena Garcia; a nutricionista Ana Carolina de Almeida; as advogadas especializadas em direitos dos pacientes com câncer e membro da OAB, Raísa de Barros e Carolina Matos; a comandante da Guarda Municipal de Macaé, Adriana Manilha; a representante do Núcleo de Atenção à Mulher, Jane Estanislau Roriz; a fisioterapeuta do Pólo de Oncologia, Fabrine Souza; e a assistente social do Pólo de Oncologia, Margareth Costa.

A programação foi realizada durante todo o dia com serviços no espaço interativo Saúde e Vida, de artesanato, massagem e maquiagem. A banda de Niterói Adametes, composta por mulheres ex-pacientes de câncer de mama, foi uma atração à parte, com um show musical de paródias envolvendo o tema.

Encerrando o encontro houve a abertura da exposição fotográfica, cujas fotos foram produzidas no estúdio Photo On pelos fotógrafos Claudia Barreto e Rômulo Campos, que registraram imagens de 12 pacientes e ex pacientes de câncer de mama que são atendidos pelo SUS.

Entre os participantes está um homem, Sr Lincoln Cadinelli. “Essa doença trouxe união familiar, o que é muito importante para o tratamento”, destacou.

Todos foram produzidos nos salões de beleza: Toni Bernardino, Enchantê Salon, Joel Beuth Center, Beleza, Bela Dona, e Salão UP. A Brilhato Biju emprestou os acessórios.

Para Marilena Garcia, a roda de conversa rosa foi um momento rico em informações compartilhadas que poderá ser levada para empresas, instituições e estabelecimentos comerciais interessados em realizar um evento em prol da causa da prevenção.

O presidente da ACIM, Francisco Navega, destacou que a exposição fotográfica ficará no prédio da instituição e que está acontecendo uma campanha de conscientização nas lojas do centro da cidade, através de panfletos para os clientes e camisas personalizadas com o slogan “Eu me amo, câncer de mama tem cura”; que estão sendo usadas por funcionários do comércio e apoiadores.

A diretora do Centro Cultural do Legislativo, Mariângela Magalhães, falou sobre a importância da união pela prevenção do câncer de mama. “É uma luta de todos nós. Abraçamos a proposta e ficamos felizes com a mobilização e presença de tantas pessoas na roda de conversa”.

A mastologista Karina Crespo enfatizou a importância da prevenção para diminuir a mortalidade do câncer. “Quando fazemos o diagnóstico precoce, a chance de cura é de 95%”. Segundo a médica, a partir dos 40 anos, as mulheres devem realizar exames preventivos anuais (ultrassom e mamografia). Quem tem ou teve parente de primeiro grau com câncer, deve começar aos 35 anos.

O câncer também pode ser evitado com hábitos saudáveis, o que inclui uma alimentação balanceada e a prática regular de atividade física, conforme orienta a nutricionista Ana Carolina Almeida. Ela também indica uma série de alimentos que ajudam a prevenir o câncer, pois são considerados anticancerígenos, como as frutas vermelhas, chá verde, pimenta caiena, cenoura, brócolis e a cúrcuma, por exemplo. “A obesidade também é um fator de risco que precisa ser combatido”, acrescentou a nutricionista.

A coordenadora geral de políticas para mulheres, Jane Stanislau Roriz, destacou que Macaé tem estrutura para tratar os pacientes na própria cidade. O Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam) é conhecido pelo atendimento às vítimas de violência, mas também atende qualquer caso de desrespeito aos de direitos da mulher. “Oferecemos orientações para as pacientes de câncer sobre seus direitos como o afastamento do trabalho, o saque do FGTS, o direito a um acompanhante durante o tratamento, a isenção de alguns impostos e a reestruturação das duas mamas, entre outros”.

A UNAMAMA funciona de segunda à sexta, das 13h às 18h, no Centro Cultural Magdá Garcia, sala 202, na Avenida Rui Barbosa, 435 (altos da loja ponto frio do calçadão), onde as pessoas são acolhidas e informadas sobre os serviços que necessitam e fazem oficinas de artesanato. As pessoas que necessitarem de algum apoio ou estiver interesse em agendar uma roda de conversa com a exposição fotográfica podem entrar em contato 999923283 unamamaunida@gmail.com ou redes sociais Unamamaunida.

HISTÓRICO – A UNAMAMA passou por uma reestruturação e retomou suas atividades contando com a participação de macaenses voluntários sensibilizados com o número crescente de mortalidade por câncer de mama. No ano passado a Unamama realizou um jantar no Zé Gastronomia e com o recurso adquirido foram compradas cerca de 120 mamografias e doadas para as mulheres que procuraram a Unamama com pedido médico. Todas foram atendidas no Instituto de Medicina Nuclear.

Uma das idealizadoras da Unamama em Macaé, é a ex paciente Marilena Garcia. Ela conta que durante a atuação da Unamama foram beneficiadas mais de 10 mil pessoas, entre atividades, serviços médicos e apoios sociais, além de centenas de palestras atendendo cerca de 15 mil pessoas que se capacitaram como agentes multiplicadores na prevenção do câncer de mama. “A mamografia é um exame necessário para o rastreamento e diagnóstico do câncer de mama”.

A União Nacional Solidária no Combate ao Câncer de Mama-MACAE, é uma associação civil sem fins lucrativos, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 08.990.031/0001-49 em 08/08/2007, foi criada por um grupo de pacientes, familiares e voluntários do câncer de mama. Liderados pela professora e ex- paciente Marilena Garcia, que acumulou experiências como voluntária no Instituto Nacional do Câncer (Inca), onde também coordenou o programa Viva Mulher e no Ministério da Saúde, em Brasília, na área de Saúde da Mulher.

Artistas e personalidades de diferentes atividades do Rio de Janeiro reforçaram o time de apoiadores e colaboradores da UNAMAMA doando os cachês das imagens nas vendas das camisa. Entre eles: Ingrid Guimarães, Heloísa Perissé, Mônica Martelli, Ângela Vieira e seu marido o cartunista Miguel Paiva, os atores Gracindo Júnior, Herson Capri, e sua esposa a produtora teatral, Susana Garcia.

Em 2017, a Unamama realizou a Bicicletada, na Orla da praia do Cavaleiros. Em setembro, através da parceria com a loja Babuska, a Unamama recebeu 10% das vendas das lojas do Centro e do Shopping para serem revertidos em mamografias. A instituição também promoveu eventos como o Abraço à Secretaria de Educação e o “Conversas de Calçada”, no Shopping Tropical Plaza. No mês de dezembro, a Unamama finalizou as atividades com o Bazar ” Um toque de Vida”, realizado no espaço cedido pela Secretaria de Educação, onde foram vendidas roupas, acessórios e objetos doados para serem revertidos em fundos para compra de mamografia.

Em 2008 a Unamama em parceria com o artista plástico e designer Cocco Barçante, criou o Painel “CUIDAR” (quatro meses de trabalho) criado e pintado pelo artista, e bordado pelas mãos de artesãs voluntárias dos grupos: Bordando o Futuro, da cidade de Itaperuna; Mulheres Reciclando, da cidade de Macaé; Bordadeiras de Natividade, da Cidade de Natividade; Marias Maré, da comunidade da Maré; Nós do Ponto Chic, de Nova Iguaçú; Osami, da Cidade de Deus; Artesãs da Serra e Florescer, da cidade de Petrópolis.

O painel “CUIDAR”, tem como madrinha a atriz Mônica Martelli e é exposto em instituições que trabalham em prol da luta contra o câncer de mama, visando conscientizar e dar esperança as mulheres que vivenciam e lutam contra este tipo de câncer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here