Promoções dos mais variados produtos podem chegar até 70% de desconto

A aproximação do Dia dos Pais, que será comemorado no próximo domingo (12), já movimenta o comércio em geral, principalmente no Calçadão da Avenida Rui Barbosa, estendendo as ações para a Rua Silva Jardim, no Centro, que já reúne uma gama enorme de lojas com os mais variados produtos e vem ganhando força. Não é atoa que a Associação Comercial e Industrial de Macaé (ACIM), instalou no último final de semana, pórticos infláveis nos dois extremos, aliados as chamadas promocionais que chamam a atenção das pessoas que percorrem o local em busca de produtos para presentar os pais.

Da gastronomia até guarnições de banho e roupa de cama, dentre muitas outras especialidades que permitem ao consumidor escolher produtos diferenciados, não só no gosto como no preço, os cartazes de promoções que chegam até a 70%, chamam a atenção, como no caso da loja Babusca, por exemplo, que disponibiliza acessórios a partir de R$ 9,99. Basta andar mais um pouco não só pela rua Silva Jardim, como pelo Calçadão, para se sentir atraído pelos destaques promocionais que nesta hora são um chamarisco para não deixar de comprar o presente do pai, alinhado a outras compras, na maioria das vezes, facilitada, como o caso da sapataria Sonho dos Pés, que abriu campanha especial para atrair a clientela.

Para Antonio Severino dos Santos, presidente da Associação Comercial e Industrial de Macaé, apesar da crise que ainda persiste, as famílias tem o hábito de reunir parentes e amigos em ocasiões especiais como esta, para uma confraternização. Por sua vez, o comércio oferece oportunidades diversas, não só no Centro, como nos bairros periféricos que hoje mantém uma enorme rede de lojas, facilitando a compra de presentes.

Márcia Babusca, diretora da Associação Comercial, está otimista com a campanha e acredita que é uma ocasião para as pessoas celebrarem a data. Embora sem apoio do poder público, resta aos empresários do comércio, que contribui para gerar empregos, realizar promoções e, com isso, recolhendo em Macaé os impostos que deverão trazer benefícios para a cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here