Com a chegada do 13º salário, o comércio de Macaé aumentou consideravelmente o fluxo de vendas

As parcelas do 13º salário injetam alguns milhões de Reais na cidade. Com isso, o movimento nas lojas tem sido intenso

Lojas lotadas e uma grande movimentação no Calçadão marcam esta primeira semana de dezembro, caminhando em ritmo natalino. O trabalhador está com mais dinheiro no bolso, já que foi paga a primeira parcela do décimo terceiro salário dos servidores municipais e estaduais, e a segunda parcela dos servidores federais, correspondendo a 50% dos seus rendimentos sem descontos. Enquanto isso, comerciantes esvaziam os seus estoques durante o período festivo de fim de ano.

Segundo pesquisas, as parcelas do 13º salário injetam alguns milhões de Reais na cidade. Com isso, o movimento nas lojas tem sido intenso. O comércio da Rui Barbosa registra um expressivo aumento de vendas, calculado em cerca de 20% em comparação com o ano passado.

Além disso, levando em consideração os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) cadastrados no município, o benefício também já foi pago a outras milhares de pessoas.

Neste sentido, os comerciantes de Macaé sabem que boa parte pode direcionar o dinheiro para dentro de suas caixas registradoras. Um passeio mais atento pelas lojas mostra que os lojistas apresentam novos produtos, novas formas de pagamento, além de uma nova oportunidade para acertar dívidas antigas. Cada loja procura atrair clientes mostrando seus diferenciais, através de vitrines bem decoradas com motivo natalino, preços mais baixos, promoções de produtos.

Segundo economistas, a regra básica do trabalhador deve ser não usar o dinheiro para fazer novas dívidas. Isso significa que, em primeiro lugar, a melhor recomendação é utilizar o abono para pagar dívidas acumuladas, especialmente as que obtêm juros embutidos. Caso não haja este problema, antes de gastar com coisas supérfluas, o trabalhador deve pensar em economizar ao menos uma parte deste dinheiro para possíveis emergências, e até mesmo compromissos financeiros em 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here