Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Arrecadação do petróleo chega a R$ 327 milhões e supera o consolidado em 2016

Município deve atingir ainda neste mês o montante obtido em 2015, através dos repasses dos royalties e cotas de Participação Especial

Em 06/11/2017 às 14h46


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Município supera as barreiras da crise e alcança o equilíbrio tributário através do petróleo Município supera as barreiras da crise e alcança o equilíbrio tributário através do petróleo
Definitivamente, os repasses do petróleo consolidam um novo momento para a arrecadação da cidade, superando de vez o cenário de crise registrado desde 2015.

De acordo com os dados fornecidos pela Secretaria do Tesouro Nacional, através do Portal da Transparência do governo federal, o jornal O DEBATE fez um balanço que indica uma nova fase para os cofres do governo em relação ao petróleo.
Antes mesmo de fechar outubro, Macaé já havia ultrapassado o total de repasses dos royalties e cotas da Participação Especial, consolidados no ano passado.

Enquanto nos 12 meses de 2016, Macaé arrecadou quase R$ 297 milhões com o petróleo, neste ano - e até setembro - o total de compensações geradas pela produção de óleo bruto e gás natural da Bacia de Campos rendeu ao governo mais de R$ 327 milhões.

Com isso, Macaé conta com R$ 90 milhões a mais do que o obtido no passado, um dado relevante, especialmente no momento em que especialistas do setor offshore apostam na retomada do mercado de óleo e gás nacional.
Com mais duas parcelas para recebimento ainda neste ano, Macaé segue com o potencial de ultrapassar também a arrecadação do petróleo obtida em 2015.

Há dois anos, a Capital Nacional do Petróleo registrou repasses que somaram R$ 366 milhões.
Se Macaé registrar em novembro a mesma média de royalties obtida nos últimos meses, cerca de R$ 30 milhões, já será capaz de arrecadar antes mesmo do fim do ano mais que o obtido em 2015.

E a tendência é que o crescimento dos repasses oriundos do petróleo aumente em 2018, seja por conta de novas operações de produção na Bacia de Campos, seja pelo desenvolvimento de projetos baseados nos leilões realizados neste ano pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). 

m 2017, Macaé deve fechar a arrecadação somando mais de R$ 400 milhões com royalties e Participação Especial do petróleo.

Números

327 milhões
Total arrecadado neste ano

296 milhões
Total arrecadado em 2016

366 milhões
Total arrecadado em 2015

Autor: Márcio Siqueira marcio@odebateon.com.br

Foto: Kaná Manhães


    Compartilhe:

Tags: política


publicidade