Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Dr. Aluízio: ‘Macaé segue como a casa da indústria’

Prefeito destaca intimidade entre a Capital Nacional do Petróleo e as operações offshore

Em 25/06/2015 às 12h27


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Prefeito destacou novo cenário que será proporcionado pela feira Prefeito destacou novo cenário que será proporcionado pela feira
"A feira acontece em um ambiente intimista, proporcionado por Macaé e sua vocação para o petróleo". A frase sintetiza a análise do prefeito de Macaé, Dr. Aluízio Júnior, sobre a relação da cidade e o segmento do petróleo nacional.

Ao reforçar que a oitava edição da Brasil Offshore demonstra a superação da cidade frente todos os cenários de desconstrução, criados através de especulações políticas e até empresariais, o prefeito destaca a relação entre as operações do petróleo e a rotina econômica e social da cidade, que segue como a Capital Nacional do Petróleo.

"A feira é um sucesso porque acontece em um ambiente mais intimista, onde a indústria discute medidas técnicas e ações políticas dentro do cenário onde ocorrem as operações do petróleo nacional. Isso é o que garante o nosso sucesso", apontou o prefeito.

Com base na relação construída por Macaé junto à indústria ao longo dos últimos 40 anos, Dr. Aluízio afirmou que a oitava edição da Brasil Offshore permitirá a Macaé alcançar um novo patamar no cenário nacional.

"Embora a cidade concentre mais de 80% da produção do petróleo nacional, Macaé ainda não é vista como um polo econômico, de geração de emprego e renda, além de qualidade de vida, no âmbito nacional. Esperamos que esse reconhecimento seja alcançado para que possamos receber apoio necessário para vivermos dias melhores", destacou o prefeito.

Autor: Márcio Siqueira marcio@odebateon.com.br


    Compartilhe:


publicidade