Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

A antiga bússola das embarcações: o "Farolito" da Praia de Imbetiba

Como símbolo turístico e cultural de Macaé, o Farol pode ser visitado

Em 30/07/2012 às 15h54


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Com uma história que começou em 1627, com a colonização portuguesa, Macaé preserva um rico patrimônio histórico, e um deles é o Farol de Imbetiba, também conhecido com Farol Velho ou Farolito. Construído em 1880 para atender as necessidades do Porto de Imbetiba, que funcionava como escoadouro da produção agrícola da Bacia de Campos e Macaé, o velho farol passou por uma restauração há 11 anos. 

Implantado sobre uma pedra à beira-mar, o Farolito está localizado na Praia de Imbetiba, em frente a Ilha do Papagaio. Formado de pedra, o monumento possui uma escada externa de acesso ao seu interior, oferecendo uma boa paisagem aos visitantes.
 
De acordo com o subsecretário de Acervo e Patrimônio Público, Ricardo Meirelles, o Farol de Imbetiba foi construído pela companhia Macaé Campos, quando operava a ligação férrea entre as duas cidades e marítima entre Macaé e a corte em conjunção. "Sendo assim, foi  construído um acesso ao Farol, facilitando e estimulando a visitação". 
 
Como símbolo turístico e cultural de Macaé, o Farol pode ser visitado pela Praia Campista, através do acesso construído pela Petrobras que, também, realizou um tratamento paisagístico nas imediações do monumento. Conhecida também como a Praia do Farol, o local tem a extensão de 500 metros, água morna, transparente e areias grossas. 
  
O subsecretário de Acervo recorda, ainda, que a Praia da Imbetiba foi  o point da juventude nas décadas de 70 e 80. "Muitos jovens se reuniam no Bar e Restaurante 860, no Redondo, Varandão, Mocambo, Pub, e no fim da noite, era no Trailler do Demerval que a turma se deliciava com o sanduíche, que marcou toda uma geração: o Bistrot", destacou. 

Ricardo diz que o Bistrot ficou na saudade, e hoje a Praia da Imbetiba é a base do terminal marítimo de apoio às atividades da Petrobras. A orla vem sendo utilizada pelos praticantes de cooper e esportistas da natação "Academia dos Anormais", que todas as manhãs podem ser encontrados por lá. É um grupo da sociedade que se reúne para manter viva a história da Imbetiba". 



Autor: Cristian Kupfer cristiankupfer@odebateon.com.br


    Compartilhe:


publicidade