Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Acúmulo de lixo nas ruas contribui para piorar alagamento em Macaé

Em 12/11/2010 às 12h32


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Na Avenida Evaldo Costa (antiga Ayrton Senna), é p Na Avenida Evaldo Costa (antiga Ayrton Senna), é p
Desde a tarde de quarta-feira (10), a população macaense vem enfrentando uma difícil situação com relação à chuva, que caiu forte e se estendeu por toda a madrugada de quinta (11). A preocupação maior é quanto aos alagamentos, já que fazem parte do histórico do município.

Diversos bairros ficam praticamente submersos nos períodos de chuvas fortes. As enchentes varrem a cidade causando prejuízos às famílias e comerciantes, e um dos principais motivos é o despejo de lixo e entulhos em locais impróprios, que acaba entupindo as galerias agravando ainda mais a situação.

Todos os tipos de resíduos são jogados nas calçadas ou em terrenos baldios e, quando chove, a força da água carrega o lixo pelas ruas dificultando o escoamento da água, favorecendo os alagamentos.

Os principais responsáveis por esses fatores de risco são os próprios moradores, que não atentam para a limpeza e conservação do espaço público. Bairros como Sol y Mar, Visconde de Araújo, Miramar, Campo D’oeste e bairros adjacentes foram bastante atingidos. Segundo um morador que não quis se identificar, da Rua Gypso no bairro Sol y Mar, toda vez que chove a situação se repete por conta dos entulhos jogados pelos próprios vizinhos. “Não custa nada cada um guardar o seu lixo adequadamente e aguardar o caminhão passar ou ligar para os responsáveis por serviços públicos recolherem os entulhos.

Mas devido ao mau hábito de alguns, todos os moradores sofrem prejuízos quando chove”, declarou. 
Além de o lixo contribuir para o aparecimento de animais como ratos, causadores de doenças, aumentam os riscos de inúmeros tipos de contaminação através da água. A orientação é para que a população colabore, evitando despejar lixo em vias públicas.

Autor: Renatta Viana/ renatta@odebateon.com.br

Foto: Fotos: Eu, Leitor, o Repórter


    Compartilhe:


publicidade